14/11/2017 / Ramon Cardoso

Cidade

Uma força-tarefa em prol do Hospital São Carlos

Por iniciativa do vereador Jonas Tomazini (PMDB), a Câmara da Indústria, Comércio, Serviços e Agronegócio (CICS) de Farroupilha criou uma comissão (foto acima, de Ramon Cardoso/Jornal Informante), capitaneada pelo secretário Elói Pellizzari, que busca fazer com que Pessoas Físicas e Jurídicas da cidade destinem recursos do Nota Farroupilha ao Hospital Beneficente São Carlos (HBSC), por meio de créditos provenientes de notas fiscais de serviços prestados por empresas farroupilhenses. É possível a destinação de até 30% para pessoas físicas e de até 5% para jurídicas, dos valores do ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza). 
Para isso, é necessário o cadastro prévio no site da prefeitura, pelo www.farroupilha.rs.gov.br e clicar no ícone Nota Farroupilha, o primeiro na coluna Divulgação, situado logo abaixo do Portal da Transparência. Basta clicar no ícone "Acessar o Sistema", digitar o número do Cadastro da Pessoa Física (CPF) ou Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), escolher uma senha e verificar se há créditos proveninentes por solicitação de nota fiscal na prestação de serviços. A partir do dia 1º de dezembro será possível escolher uma entidade que pode receber os recursos e a campanha desencadeada pela comissão junto à CICS busca sensibilizar a comunidade para que destine esses valores para o HBSC, que é uma das habilitadas a contar com o montante. O prazo para destinação dos valores à Casa de Saúde se estende até o dia 20 de dezembro.
Criada em 2011, na época em que Jonas era secretário de Finanças, o objetivo inicial da Nota Farroupilha era proporcionar o abatimento de valores no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Vale destacar que o desconto ainda pode ser feito no Imposto, mas devido à grave situação financeira do São Carlos, há um apelo para que os recursos sejam revertidos à instituição hospitalar. A estimativa é de que os valores ao ano giram em torno de R$ 250 a R$ 300 mil, mas podem ser incrementados à medida que haja solicitação da inclusão de CPF ou CNPJ na emissão de notas fiscais. Desde 2011, foram gerados cerca de R$ 1,5 milhão e, destes, R$ 400 mil acabaram inutilizados, já que os créditos têm validade por 4 anos. Uma reunião no início da manhã desta terça, na CICS, com imprensa e escritórios de contabilidade, reforçou a importância da campanha a ser desencadeada, junto à comunidade e empresas do município.   

Compartilhe

Veja Também:

Feijoada do Rotary já tem data marcada

Nem bem o ano começou, com o fim do Carnaval e período de férias, o Rotary Club Farroupilha Nova Vicenza já definiu a data de sua tradicional Feijoada. O evento beneficente, que reverte recursos para a Campanha da Visão, e que está em sua 18ª edição, acontece no dia 17 de junho, um domingo.
A atividade gastronômica e solidária ocorre no Centro de Eventos Mário Bianchi, a partir das 11h e os ingressos, que podem ser obtidos com os rotarianos, já estão sendo comercializados a R$ 80,00. Mais informações na Editoria de Cidade da Edição 526 do Jornal Informa...

20/02/2018 / Ramon Cardoso

Serviços de manutenção na 453 testam a paciência dos motoristas

Desde as primeiras horas da tarde, reparos estão sendo feitos na RSC-453, o que tem causado transtornos aos usuários da rodovia. Com o fluxo alternado para a realização dos trabalhos, que ocorrem logo após a saída de Farroupilha, tem gerado congestionamento que, em determinados momentos, passa de dois quilômetros. 
É possível perceber, em alguns momentos, tráfego parado até mesmo no semáforo de acesso da Avenida Santa Rita. Recomenda-se paciência aos motoristas que forem utilizar a via e, para os que podem, até mesmo evitar um deslocamento até Bento Gonçalves, tra...

05/01/2018 / Ramon Cardoso