29/06/2020 / Ramon Cardoso

Política

Serra tem recurso acatado e fica na bandeira laranja

Em live no final da tarde desta segunda, o governador Eduardo Leite acatou o recurso da Serra solicitando para que a região não ingressasse na bandeira vermelha, que passaria a vigorar nesta terça, e permanecesse na laranja, de risco médio de contágio e propagação do covid.
O Observatório Regional da Saúde, da Universidade de Caxias do Sul (UCS), foi o responsável por formular o recurso para a Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), que aponta divergência entre os dados apresentados pelo governo do Estado e os compilados pelo Observatório.
Além da Serra, as regiões de Erechim e Palmeira das Missões também não ingressarão na bandeira vermelha e permanecerão na laranja. As regiões de Passo Fundo e Santo Ângelo tiveram os recursos indeferidos e, com isso, ingressam na bandeira vermelha a partir desta terça. Porto Alegre, Canoas, Novo Hamburgo e Capão da Canoa, que já estavam na vermelha, não interpuseram recursos, anuindo com a classificação.
Leite destacou que houve melhoria nas internações por covid na Serra, que baixaram de 88 para 76 na última semana, uma redução de 14%. O governador apontou também uma estabilidade em internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que eram de 38 e tiveram leve incremento para 40, que também garantiu uma classificação na bandeira amarela no quesito. Dados não muito distantes dos apontados na última sexta, mas que não impediram a decretação da bandeira vermelha, que vigoraria a partir desta terça.  
Com a manutenção da laranja, o comércio não essencial pode operar, respeitando as regras de higiene, proteção e distanciamento social dentro do modelo adotado pelo Estado. Uma nova rodada de avaliação será feita na sexta e a expectativa é de manutenção da região dentro da bandeira laranja, buscando uma melhora nos indicadores para se afastar do risco de aumento das restrições. Mais sobre a questão na Editoria de Política da Edição 644 do Jornal Informante, que circula na próxima sexta. 

Compartilhe

Veja Também:

Serra abre agosto na vermelha e número de regiões sobe para 12

A nova rodada do distanciamento controlado foi anunciada pelo governo do Estado no final da tarde desta sexta. A Serra permaneceu, no modelo, classificada como bandeira vermelha pela quinta semana consecutiva na avaliação prévia (veja mapa acima). Na primeira da série, o recurso do Observatório Regional da Saúde, da Universidade de Caxias do Sul, feito para a Associação de Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), foi acatado, nas três seguintes acabou indeferido. Nesta um novo recurso deve ser feito até o domingo pela manhã.
Cinco regiões migraram da bandeira laranja para a vermelh...

31/07/2020 / Ramon Cardoso

Presidente da Amesne cobra autonomia para Serra e municípios

Em entrevista ao Jornal Informante desta sexta, o presidente da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne) e prefeito de Cotiporã, José Carlos Breda (foto acima, da Prefeitura de Cotiporã), não poupou críticas ao modelo de distanciamento controlado proposto pelo governador Eduardo Leite. Na opinião do dirigente, o modelo não tem mais sentido e não reflete a realidade da região.
Ele também comentou que a proposta de maior independência a regiões e cidades é uma medida inaplicável no formato em que foi apresentada, já qu...

30/07/2020 / Ramon Cardoso