09/04/2018 / Ramon Cardoso

Política

Primeira-dama, Francis Somensi assina ficha no PRB

A empresária e farmacêutica Francis Somensi assinou ficha no Partido Republicano Brasileiro (PRB). Convidada pelo vereador Tiago Ilha e deputado federal Carlos Gomes, sua filiação foi abonada, além da dupla, também pelo empresário Flávio Rocha, diretor da rede Riachuelo e pré-candidado da sigla à Presidência da República, em evento que ocorreu nesta segunda à tarde, na Câmara de Vereadores de Porto Alegre.  
"Estou muito feliz com o convite pois acredito na importância da participação da mulher através da força que exercemos na família e na comunidade. Espero poder colaborar para uma sociedade justa, forte e solidária", destacou Francis, que também é primeira-dama do município. A esposa do prefeito Claiton Gonçalves não possuía filiação partidária. Na foto, ela aparece entre Ilha e Rocha, no evento ocorrido nesta tarde, na Capital. 

Compartilhe

Veja Também:

Prefeito convoca coletiva, mas explica pouco

Convocada antes mesmo da admissibilidade, por parte do Legislativo, da abertura do processo de impeachment, a entrevista coletiva dada pelo prefeito Claiton Gonçalves, no final da manhã desta terça, no Salão Nobre da Prefeitura, mudou um pouco o foco inicial, tendo em vista os acontecimentos da segunda à noite, na Câmara, mas não por inteiro, já que o propósito do chefe do Executivo, de romper com os contratos, foi mantido.
“Estou dando um passo atrás, tanto na compra dos terrenos quanto na chamada pública da plataforma de saúde. Ouvimos o clamor da comunidade”, comentou Claiton, logo na ...

18/02/2020 / Ramon Cardoso

Legislativo aceita denúncia do pedido de impeachment contra Claiton

A compra de quatro terrenos para a Secretaria da Saúde, no valor de R$ 1,45 milhão, por parte da prefeitura, baseou uma denúncia de pedido de impeachment contra o prefeito Claiton Gonçalves (foto acima, de Yasmin Signori Andrade/Jornal Informante). A questão foi analisada nesta segunda à noite, em longa sessão legislativa.
O pedido foi feito pelo empresário Glacir Gomes, que juntou documentos e alegou, na fundamentação de seu material, que o chefe do Executivo feriu o artigo 97 da Lei Orgânica do Município ao adquirir terrenos sem autorização prévia da Casa Legislativa Lidovino A...

18/02/2020 / Ramon Cardoso