05/09/2018 / Ramon Cardoso

Política

Prefeitura anuncia PARU: R$ 5,2 milhões e 10 quilômetros de asfalto

Na manhã desta quarta, o Poder Executivo, por meio do prefeito Claiton Gonçalves (na foto acima, de Ramon Cardoso/Jornal Informante), anunciou, no Salão Nobre da prefeitura, a abertura do processo licitatório do Programa de Asfaltamento Rural e Urbano, o PARU.
Ele será executado com recursos do Badesul, que totalizam R$ 5,2 milhões, além de contrapartida da prefeitura (R$ 250 mil) e comunidades (custeiam a brita graduada). A meta é asfaltar mais de 10 quilômetros de ruas e estradas do interior. A licitação deve estar concluída em 60 dias e as obras iniciam após a conclusão do período eleitoral.  
São oito trechos urbanos que receberão pavimentação asfáltica e 10 rurais (veja lista abaixo). Mais sobre o PARU, com extensão e limite dos trechos você confere na Editoria de Política da Edição 554 do Jornal Informante, que circula excepcionalmente nesta quinta, por conta do feriado da Independência.

Trechos rurais
Caravaggeto, São Luiz, Linhas Jacinto, Caçador, 47, São João, Rio Branco, 80, 30 e São Marcos  
Trechos urbanos
Ruas: Porto Alegre, Raineri Petrini, Cel. Pena de Moraes, Domênico Fin, Primo Postali, 25 de Julho e Júlio de Castilhos
Avenida: Armando Antonello

 

Compartilhe

Veja Também:

Deputado Sanderson recebe demanda e projeta votações no Congresso

Em visita a Farroupilha, na manhã desta sexta, o deputado federal Ubiratan Sanderson (PSL/RS) recebeu demandas da comunidade, conversou com lideranças políticas e partidárias e também projetou o cenário brasiliense, que reserva um ano de importantes votações, em especial a da Reforma da Previdência, que caminha para seus trâmites finais no Congresso Nacional. 
"Tivemos quatro anos de paralisação administrativa. Não só do Poder Executivo, mas do Legislativo também. A Dilma passou dois anos tentando evitar o impeachment e o Temer mais dois anos buscando não ser...

07/06/2019 / Ramon Cardoso

Tiago Ilha encaminha relatório à Aneel

Em São Paulo, o vereador Tiago Ilha esteve na sede da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) levando a pauta destacada pelo consumidor farroupilhense Evandro Bento, de que em sua conta de luz constava a cobrança de Bandeira Verde, o que é indevido. Logo surgiram novas denúncias de que o valor estava sendo repassado às contas de vários farroupilhenses. Em visita à Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton, a gerente de negócios da Rio Grande Energia (RGE), Polyanna Souza prestou esclarecimentos, mas eles não foram suficientes.
“Vamos encaminhar um relatório à Aneel. O que a Ag&...

21/05/2019 / Ramon Cardoso