29/08/2017 / Ramon Cardoso

Esporte

Farroupilhense Fabricio Guisso Tartarotti conclui 1ª Maratona Internacional de Florianópolis

Há cinco anos, Fabricio Tiago Guisso Tartarotti (foto acima) começou a correr. Praticamente habitual de esportes, de natação a futebol, ele resolveu investir na corrida e se apaixonou. As distâncias foram aumentando e, no domingo, ele encarou seu maior desafio esportivo: concluir sua primeira maratona. Missão que foi cumprida com êxito na edição inaugural da Maratona Internacional de Florianópolis. 
"Foi muito bacana, me sinto realizado. Fiquei até certo ponto surpreso com o meu desempenho. Fiz a prova em quatro horas, que é um tempo muito bom. Foi gratificante", revelou o advogado de 32 anos. Fabricio ficou na posição 532 entre 1.214 participantes. Na sua categoria, de 30 a 34 anos, foi o 109º. A preparação para a prova começou há quatro meses e envolvia uma média de treinos de 60 a 70 quilômetros por semana.
A 1ª Maratona de Florianópolis reuniu competidores de praticamente dos os Estados brasileiros e de Países Sul-Americanos, além de atletas da Austrália, Filipinas e Portugal. Foram mais de 6 mil que disputaram as provas, que também ocorreram na modalidade de 5 e 10 quilômetros e na Maratona em Dupla. Veja mais sobre a trajetória do corredor farroupilhense na Editoria de Esporte da Edição 501, que circula na próxima sexta.  

Compartilhe

Veja Também:

AVN/AM tem metade dos classificados definido

A rodada do fim de semana do Ângelo Venzon Neto/Antônio Minella (AVN/AM), com a disputa do Quadrangular 2, definiu mais três habilitados para o Quadrangular Final do torneio, um representante em cada uma das três categorias da disputa: Veterano, 1º e 2º Quadros.
Na abertura dos trabalhos, no sábado, quem ficou com a vaga foi o caxiense Kaiser/Alemão Suspensões, que se junto ao conterrâneo S.R. 1º de Maio, atual campeão e que havia se classificado na rodada de abertura. No domingo, mais dois garantidos, desta vez nos suplentes e titulares.
Pelo 2º Quadro, o farroupilhense G.E. Julieta ficou com a va...

21/01/2019 / Ramon Cardoso

Sidenei e Cleonir, da Hermelu Runners, prontos para a Ultramaratona Brazil 135

Os atletas Sidenei Feliponi e Cleonir Simonetti (foto acima), da Hermelu Runners, encaram nesta quinta uma prova que testará seus limites físicos, emocionais e mentais: a Brazil 135 é uma ultramaratona de 135 milhas (223 quilômetros), que integra o Circuito de Ultramaratonas Extremas Bad 135. O trajeto, que cruza a Serra da Mantiqueira, tem saída de São João da Boa Vista, em São Paulo, e chegada em Paraisópolis, em Minas Gerais. A prova é ininterrupta e os participantes têm até 60 horas para concluir o trecho.
“A competição é o maior desafio da minha carreira como atleta. Fi...

16/01/2019 / Ramon Cardoso