12/02/2020 / Ramon Cardoso

Esporte

Brasil empata jogo-treino contra o Caxias

Disputado nesta quarta à tarde, no Centro de Treinamento do Centenário, o Brasil fez um jogo-treino movimentado contra o Caxias, que se prepara para a semifinal do turno no Gauchão, domingo, contra o Ypiranga.
O técnico Rodrigo Bandeira utilizou a atividade para soltar ainda mais o time da pesada carga física da pré-temporada, depois do amistoso de sábado, em Venâncio Aires, que terminou com vitória farroupilhense por 2 a 1. Por outro lado, seu colega de profissão, Rafael Lacerda, colocou para atuar atletas que não vêm sendo aproveitados reforçados de reservas.
Com mais ritmo por ter iniciado a preparação ainda no final do ano passado, a equipe grená teve mais controle na etapa inicial, especialmente do meio para o fim, quando o volante Marabá recebeu na frente, cortou a marcação e acertou um belo chute no ângulo do goleiro Felipe Pedot para abrir o placar para o time caxiense, placar que perdurou até o intervalo.
Na metade final, os técnicos rodaram bastante as equipes. Bandeira sacou o atacante Talles, que ficou muito isolado no 1º tempo do jogo-treino e colocou Taquara (foto acima, de Ramon Cardoso/Jornal Informante). Com o meia atacante Edy jogando mais na armação, o rubro-verde cresceu de produção e aos 35 minutos chegou à igualdade justamente com a dupla.
Edy fez boa jogada pelo meio, atraiu a marcação e ‘pifou’ Taquara, que dominou e bateu cruzado, forte, rasteiro, sem dar chance de defesa para o goleiro Eder. Na foto abaixo, de Ramon Cardoso/Jornal Informante, Edy e Taquara celebram a jogada que resultou no empate farroupilhense. A partir daí, o Brasil teve mais domínio, mas faltou finalizar a gol para conseguir a virada. O treino ficou mesmo no 1 a 1.
“De um modo geral, foi um bom jogo-treino, bem movimentado. Foi bom para dar ainda mais sequência para os atletas. No 1º tempo tentamos muito o jogo pelo meio, algo que corrigimos na etapa final, não atuando muito por dentro e abrindo mais o jogo”, observou o técnico rubro-verde. Bandeira destacou que já percebe uma evolução na equipe, mas admite que ainda falta melhorar em muitos aspectos até a estreia na Segundona, dia 1º de março, contra o Igrejinha, fora de casa.
No entanto, é natural que o time se apresente de maneira mais solta já que está para ser concluída a quarta semana de pré-temporada. Um novo amistoso acontece sábado, às 10h30min, diante do Aimoré, no Cristo Rei, em São Leopoldo. No dia 21, uma sexta, à tarde, o Brasil recebe o Nova Prata, nas Castanheiras, já na reta final de preparação. Mais sobre o rubro-verde você confere na Editoria de Esporte da Edição 625 do Jornal Informante, que circula na sexta.  

 

Compartilhe

Veja Também:

Alê Menezes aprova aumento das substituições no retorno do futebol

A matéria da Editoria de Esporte da Edição 637 do Jornal Informante traz um conteúdo com o técnico Alê Menezes (foto acima, do Arquivo do Jornal Informante). O comandante do Brasil fala sobre o aumento do número de substituições no retorno do futebol pós pandemia, das atuais três para cinco, medida recomendada inicialmente pela FIFA, que foi chancelada pela CBF e deve ser acatada pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF).   
“Essa foi uma boa jogada. A ideia é de voltarmos na primeira quinzena de julho. Serão praticamente quatro meses sem jogos...

14/05/2020 / Ramon Cardoso

FGF marca para agosto retorno da Segundona

Depois de uma série de reuniões com os clubes do interior, a Federação Gaúcha de Futebol (FGF) definiu para agosto a volta da Segundona (na foto acima, de Ramon Cardoso/Jornal Informante, o único duelo do rubro-verde na competição estadual em casa, diante do Glória). Um seguro, previsto no regulamento, está sendo repassado às agremiações, mas ele é insuficiente para fazer frente às despesas. Foram R$ 22 mil pagos agora e mais R$ 42,5 mil a serem pagos quando a disputa retornar. Participante de uma competição nacional com as gurias rubro-verdes, o Brasil também rece...

14/04/2020 / Ramon Cardoso